segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Poema do amor sem fim

Você fala dela
E eu de você

E ele de mim
E ela tão dele que já não sei mais

E olhando pra ele
A dor é tão grande
Que julgo o melhor
Ser amar o de trás.