terça-feira, 3 de novembro de 2015

Sou. Você.

Se sou eu; também sou você.
Se sou nós; você, tempo a perder.
Se sou noite; você, dia.
Se sou mar; você, calmaria.
Se sou bruxa; você, inquisição.
Se sou ciência; você, religião.
Se sou ódio; você, perdão.
Se sou amor; você, razão.
Se sou santa; você, protestante.
Se sou protesto; você, comodismo.
Se sou livro; você, estante.
Se sou o instante; você, lirismo.
Se sou o agora; você, nostalgia.
Se sou álcool; você beberia.
Se sou desenho; você, traço.
Se sou traça; você, papelão.
Se sou distância; você, abraço.
Se sou deus; você, pagão!
Se sou fumante; você é o maço,
Se sou Sim. Você, meu Não!