domingo, 27 de março de 2016

Amor-te

Morrer de desamor dá poema.

De amor, dá problema.

E de mágoa dá dor.


Pior é morrer sem sentido.

Viver sem ter vivido,


Melhor é morrer de amor.