domingo, 9 de julho de 2017

Perder-se em si

Te sinto perdida em algum cantinho de você mas não mais te encontro. 
As palavras doces...
Os afagos de mãe...
O amor sincero...
São coisas que não adoecem.
A estabilização desse amor segue constante. E eu sigo tentando encontrá-lo; mas algo corre por aí levando tudo pros cantos mais inacessíveis de você. 
Se o que te segura não te deixar nunca mais voltar saiba que, em mim, ainda tem morada, embora não saiba mais o caminho.